Presidente do STJ participa da diplomação dos finalistas do 17º Prêmio Engenho de Comunicação

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Conselho da Justiça Federal (CJF), ministro Humberto Martins, participou, nesta segunda-feira (13), da cerimônia de diplomação dos finalistas do 17º Prêmio Engenho de ##Comunicação##, evento organizado para reconhecer jornalistas e veículos de ##comunicação## que produzem notícias a partir de Brasília. 

“Sem ##comunicação## não temos democracia, e sem democracia não temos o Estado de Direito”, afirmou o ministro ao destacar o papel da imprensa livre em um país como o Brasil. ​​​​​​​​​

Presidente do STJ defendeu a liberdade de imprensa como um dos pilares do Estado de Direito.​ | Foto: Emerson Leal/STJ

Humberto Martins destacou que os jornalistas desempenham importante papel de comunicar os fatos à população, atuando como atores fundamentais na construção de um Brasil mais fraterno e justo. Esse trabalho – afirmou o ministro – complementa o desenvolvido por atores como os poderes Executivo e Judiciário. 

“Cada um dos poderes desempenhando o seu papel com harmonia. Sem imprensa livre não temos democracia”, concluiu.  

A cerimônia de entrega dos diplomas dos finalistas foi realizada na sede do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Anfitriões do evento, o presidente da Ordem, Beto Simonetti, e o vice-presidente, Rafael Horn, lembraram que a entidade é defensora da liberdade de imprensa e contrária à regulamentação da mídia. 

Painel de notáveis na escolha dos vencedores 

Nesta 17ª edição, o painel de jurados foi formado pela ministra do Tribunal Superior do Trabalho Cristina Peduzzi; pelo ministro do Tribunal de Contas da União Jorge Oliveira; pela procuradora-chefe do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, Fabiana Barreto; pelo ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral Carlos Mário Velloso Filho; pelo mestre em ##comunicação## Bruno Nalon; e pelos juristas Marcus VinIcius Furtado Coêlho, da OAB, e Eliziane Carvalho, do Sistema CNA-SENAR. 

Na oportunidade, foram diplomados jornalistas e veículos de ##comunicação## escolhidos como finalistas em dez categorias, como veículo impresso, programa de rádio e programa de televisão.

Generated by Feedzy