Anamatra premia reportagens e projetos ligados a direitos humanos com um total de R$ 60 mil; inscrições até esta quinta-feira (14/7)

A Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra) está com inscrições abertas para o Prêmio Anamatra de Direitos Humanos, que distribui um total de R$ 60 mil. Clique aqui para ler o regulamento e encontrar o link de inscrição.

O prêmio abrangerá as seguintes categorias e subcategorias:

Categoria Imprensa –  dirigida a jornalistas que tenham veiculado, em meios de comunicação, reportagens escritas, documentários, série de matérias ou fotografias em quatro subcategorias:
1 – mídia impressa (jornal e revista) ou eletrônica (internet);
2 – televisão
3 – rádio
4 – fotografia impressa (jornal e revista) ou eletrônica (internet).
  Categoria cidadã – podem concorrer pessoas físicas ou jurídicas, incluídas entidades não governamentais; Categoria Programa Trabalho, Justiça e Cidadania (TJC) – voltada a discentes, docentes e/ou escolas que promovam ações cidadãs e práticas de disseminação dos ideais de justiça social, por meio da aplicação do TJC, iniciativa da Anamatra desenvolvida regionalmente pelas Associações de Magistrados(as) do Trabalho (Amatras).

Os trabalhos devem ter sido desenvolvidos no período compreendido entre 1/6/2020 e 31/5/2022. 

Seleção e premiação

A seleção dos trabalhos será feita pela Comissão Julgadora do Prêmio, presidida pela Diretoria de Cidadania e Direitos Humanos da Anamatra, e a deliberação final ficará a cargo do júri qualificado.

A relação dos finalistas do Prêmio Anamatra de Direitos Humanos 2022 em todas as categorias e subcategorias será divulgada no portal da Anamatra até o dia 2 de setembro de 2022. 

A cerimônia de premiação ocorrerá no dia 29 de setembro de 2022, no Rio de Janeiro (RJ).

 

Generated by Feedzy